Por que pedir um financiamento empresarial?

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

16/09/2020
financiamento empresarial

A necessidade de um financiamento empresarial pode vir em diferentes momentos da vida de um empreendimento:

  • No começo do negócio, para conseguir montar a empresa
  • Nos primeiros anos de vida, para sustentar o capital de giro
  • Para fazer investimentos que ajudem a empresa a crescer
  • Na crise, para conseguir passar pelo momento difícil

Cada necessidade da empresa tem um tipo de crédito empresarial mais adequado. Alguns deles podem ser obtidos em instituições financeiras e outros com investidores – é o caso, por exemplo, do investimento-anjo e do venture capital. No primeiro, um ou mais investidores colocam dinheiro na empresa, normalmente em uma fase inicial, para ajudá-la em seu começo de vida. No segundo, os investidores – ligados a um fundo de venture capital – aportam dinheiro na empresa em troca de participação no negócio, tornando-se, portanto, sócios-investidores.

Esses dois tipos de financiamento empresarial são mais comuns entre startups, pequenas empresas de tecnologia com alto potencial de crescimento. Para os demais micro, pequenos e médios negócios, as opções mais comuns de financiamento empresarial costumam estar nas instituições financeiras por meio de linhas de crédito para capital de giro, investimentos etc.

Quando o financiamento empresarial é uma boa opção

Ainda que a ideia de pedir um financiamento empresarial possa assustar o empreendedor, o crédito externo pode ser uma boa opção em algumas situações porque permite a evolução do empreendimento ou sua sobrevivência. É com o capital de terceiros que muitos empreendedores conseguem aproveitar uma oportunidade pontual e alavancar os negócios, por exemplo. Por isso, ao invés de ficar com receio de buscar um crédito empresarial, entenda que ele pode ser uma solução, na verdade.

Para que o financiamento empresarial seja realmente benéfico para o negócio, é importante pesquisar as melhores opções do mercado e contratar aquela que realmente cabe no fluxo de caixa da empresa. Pegar um crédito impossível de pagar é aumentar os problemas.

Uma opção que pode atender as necessidades é o crédito com parcelas flexíveis. Já ouviu falar? O Tomático oferece esse tipo de crédito. As parcelas são estabelecidas como uma porcentagem do faturamento da empresa e ajustadas automaticamente de acordo com a sazonalidade das vendas. Na prática, então, a parcela fica maior quando as vendas estão em alta e diminuem automaticamente quando as vendas caem. Esse modelo de pagamento do crédito empresarial facilita a vida do empreendedor e sempre cabe no fluxo de caixa. Quer saber mais? Acesse o FAQ do Tomático e tire as suas dúvidas.