Entre e contrate

Aprenda a renegociar empréstimos de forma facil e inteligente

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

05/11/2020
renegociar empréstimos

É comum as empresas contratarem crédito empresarial, seja para aproveitar uma oportunidade, expandir o negócio ou sair da crise. Quando o empreendedor contrata o crédito, normalmente faz os cálculos para saber se a parcela caberá no fluxo de caixa da empresa e se conseguirá arcar com o pagamento da dívida. Mas o fato é que o mundo muda, imprevistos acontecem e pode acontecer de não ser mais possível pagar as parcelas previstas. Nesse caso, é hora de renegociar empréstimos, antes que o problema cresça e afunde a empresa.

Se surge dificuldade para pagar o crédito empresarial contratado, é preciso negociar a dívida. O que se faz, de praxe, é mudar o perfil da dívida, ampliando o prazo de pagamento para que as parcelas fiquem menores e se ajustem ao fluxo de caixa da empresa.

Contratação de nova linha de crédito é alternativa ao renegociar empréstimos

Na negociação com a instituição financeira, uma alternativa pode ser a contratação de um novo tipo de crédito empresarial, com condições melhores e que ofereçam parcelas menores. Caso o banco com o qual sua empresa já trabalhe não tenha opções melhores, o empreendedor pode ir ao mercado em busca de novas linhas de crédito que possam substituir a antiga. Nesse caso, o dinheiro que entra pela nova linha de crédito deve ser usado para pagar a dívida antiga – e o empreendedor continuará com parcelas a serem pagas, mas de valores adequados para o novo cenário da companhia.

Hoje, no mercado, existem linhas de crédito diferenciadas, além daquelas oferecidas pelos bancos mais tradicionais. No Tomático, por exemplo, uma plataforma de crédito digital direcionada a micro, pequenos e médios empreendedores, as parcelas são flexíveis – o que é um grande atrativo para quem lida com sazonalidade nas vendas. As parcelas flexíveis se ajustam ao faturamento da empresa,  facilitando o pagamento do crédito contratado.

Isso é possível porque, ao contratar crédito com o Tomático, o empreendedor conecta suas maquininhas de cartão à plataforma da instituição financeira. Dessa forma, o robô do Tomático identifica o limite de crédito adequado e o tamanho certo das parcelas, que vão se ajustando de acordo com as vendas realizadas por meio das maquininhas. Atualmente, o Tomático trabalha com as seguintes maquininhas de cartão: Getnet, Rede, Cielo, Bin, Stone e SIPAG.

A contratação de um novo crédito empresarial sempre deve ser analisada com bastante cautela pelo empreendedor. Ao verificar a nova proposta, é preciso compará-la com a capacidade de pagamento da empresa, levando em conta as outras dívidas e compromissos financeiros que já foram contratados anteriormente. Gerenciar as finanças com atenção é de suma importância para manter a empresa saudável.